Infecção Urinária em idosos

Gostou desse artigo? Compartilhe..

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no tumblr
Compartilhar no telegram

Tem um familiar idoso e desconfia que ele possa estar com infecção urinária? Continue lendo esse artigo e saiba qual o melhor procedimento diante desse caso.

Infecção Urinária em idosos

A infeção urinária também é conhecida como infecção do trato urinário, e pode ocorrer em qualquer idade, no entanto, é mais recorrente em pacientes idosos pois possuem a imunidade relativamente mais baixa.

A infecção urinária é causada pela proliferação de bactérias nos órgãos do sistema urinário: rins, ureteres, bexiga e uretra. A bexiga é órgão com maior frequência de infecção.

A maior preocupação dessa doença em idoso é que nem sempre os sintomas são facilmente detectáveis, podendo ser confundida com outras doenças, ou até mesmo não sendo percebida. Vejamos a seguir as informações necessárias para saber identificar e lidar com a infecção urinária em idosos.

Sinais de que o idoso pode ter infecção urinária.

Apesar de algumas infecções urinárias serem assintomáticas, a maioria pode desencadear em idosos, alguns dos sintomas a seguir.

• Aumento na frequência de micção.
• Urina escura ou com presença de sangue.
• Urina com odor fétido.
• Falta de apetite e mudanças de humor incomum.
• Desejo de urinar, ainda que tenha acabado de vir do banheiro.
• Perda cognitiva em idosos com demência/alzheimer.

Infecção urinária no homem e na mulher.

De acordo com algumas análises recentes, estima-se que a infecção urinária que acomete as pessoas idosas tenha uma porcentagem estimada de 20% das mulheres e 10% dos homens;
Ainda que percentualmente as mulheres idosas estejam mais propensas a ter infecção urinária, é importante que haja um cuidado redobrado para ambos os sexos.

Como evitar a Infecção Urinária? (Prevenir)

Algumas dicas para ajudar você que tem um familiar idoso a evitar que ele tenha esse problema de saúde.

• Opte por uma alimentação mais saudável, principalmente à base de frutas, que possuem água em sua composição,

• Não descuide de maneira alguma da higiene pessoal, assim como um bebê precisa de cuidados a pessoa idosa também precisa de um tratamento mais atencioso e cuidadoso com a sua saúde e limpeza. Fazer a higiene íntima com água e sabão, de preferência aos sabonetes líquidos glicerinados. Para as mulheres, sabonetes íntimos bactericidas somente com recomendação médica.

• Mantenha as consultas de rotina e exames regulares, não deixe de fazer as consultas preventivas para sempre ficar um passo à frente sobre qualquer anormalidade no organismo.

• Alguns médicos recomendam a ingestão da fruta/extrato cranberry. Que é rico em proantocianidina, substância apontada por estudos como sendo de 15 a 25 vezes mais potente do que a vitamina E para inibir a aderência e evitar a translocação (saída do intestino para o trato urinário) de bactérias principalmente do tipo E.coli na mucosa da bexiga, combatendo infecções do trato urinário.

• Fique atento aos sintomas, e às queixas dos pacientes, ainda que alguns não consigam explicar o que sentem, procure sempre entender o que acontece com eles.

Higiene íntima no homem.

• Na hora do banho deve-se lavar o pênis com cuidado e atenção. Além de evitar o mau odor, a limpeza correta ajuda a prevenir infecções por bactérias e fungos. Para limpar completamente o pênis é preciso puxar o prepúcio (pele que recobre a glande ou cabeça do pênis) até o aparecimento total da glande, lavando com água e sabão ou sabonete até sair o esmegma. O esmegma é uma secreção branca composta de células descamadas da pele e óleos produzidos por glândulas penianas. Os homens que não operaram fimose devem ter cuidado redobrado, pois o prepúcio estreita a passagem da glândula facilitando o acúmulo de sujidades. A maioria dos homens podem usar um sabonete com pH neutro (pH = 7). No entanto, homens que apresentam uma pele mais sensível ou tenham propensão a alergias, podem usar um sabonete íntimo masculino com pH ácido (pH entre 5 e 6).

• Não é necessário depilar completamente os pelos pubianos. Urologistas inclusive, recomendam que não seja realizada. Recomenda-se manter os pelos pubianos sempre aparados e a região sempre limpa evitando o acúmulo de fungos e bactérias.

• Roupas masculinas. Os melhores modelos indicados para melhora da circulação de ar na região genital são as cuecas samba canção ou boxer, por serem mais folgadas. As cuecas de algodão são mais macias e confortáveis e absorvem melhor a transpiração do que as de tecido sintético.

Higiene íntima na mulher

• É recomendado que a região íntima seja lavada apenas com água e sabão neutro para evitar que a microbiota vaginal fique desbalanceada e haja a proliferação de microrganismos responsáveis por doenças. O uso de sabonetes íntimos como Lucretin, Dermacyd ou Intimus, por exemplo, são boas opções para manter a microbiota vaginal normal, no entanto não devem ser usados a toda a hora pois podem acabar por ter o efeito inverso. Além disso, se possível, estes sabonetes não devem ser aplicados diretamente na região íntima e a quantidade a utilizar deve ser mínima, sendo recomendado, se possível diluir uma quantidade de sabonete íntimo na água com que vai se lavar.

• A higiene deve ser feita sempre da frente para trás, no sentido do ânus. O inverso pode levar bactérias das fezes para a vagina, provocando infecções

• Os lenços umedecidos e o papel higiênico perfumado devem apenas ser usados em casos de extrema necessidade, quando se está fora de casa, por exemplo, e poucas vezes por dia, pois quando usados em excesso podem provocar secura na vagina e irritações, eliminando a lubrificação natural da região genital, além de também poder interferir no pH.

• A roupa íntima é outro fator que influencia a higiene, pois roupas íntimas de materiais sintéticos dificultam a transpiração da pele e aumentam o acumulo de suor, tornando a região genital mais úmida e quente, o que favorece a proliferação de microrganismos, principalmente o fungo do gênero Candida, que é responsável pela candidíase. Assim, é recomendado que a mulher use calcinha de algodão, que deve ser trocada todos os dias, além de evitar usar roupas muito apertadas, já que também pode favorecer a ocorrência de infecções vaginais.

• Não usar duchas vaginais porque podem alterar o pH e a flora vaginal.

• Não exagerar na depilação pois pode causar irritação na pele.

Como tratar a infecção urinária?

Após ter a suspeita de que o paciente idoso está com uma infecção urinária, é importante levá-lo para uma avaliação médica, só assim ele será diagnosticado da maneira correta.

Sobre o tratamento que deverá ser indicado pelo médico, ele dependerá do tipo de infecção, se é ou não persistente e o seu grau de gravidade. De maneira geral, o tratamento é feito com o uso de medicamentos antibióticos e analgésicos.

Para todos os pacientes idosos que estão com infecção urinária, os seus cuidadores e a família devem seguir as seguintes recomendações:

  • Evitar que a urina fique retida por muito tempo.
  • Analise como está a condição da urina e qual a quantidade média diária.
  • Evite que os pacientes usem roupas íntimas menores do que o seu tamanho.
  • No momento da higiene/banho tenha cuidado redobrado, caso o paciente idoso faça uso de fralda geriátrica, realize a troca sempre que possível, e faça o asseio correto durante as trocas.
  • Cuidar da alimentação e hidratação do paciente para que o seu sistema imunológico fique fortalecido para combater os invasores.

Política de uso

A reprodução de matérias, fotografias e imagens é livre mediante a citação do site “Estratégias do Alzheimer https://estrategiasdoalzheimer.com.br/”, bem como, dos autores do texto, das fotos e imagens. 

Deixe seu comentário construtivo...

Leia Mais

Treinamento da Mente - Garagem 1
Treino Cognitivo
Marcelo Godinho

Treino Cognitivo – Garagem 1

💪🧠 Treino 🧠💪 Cognitivo Semanal 🚙 O que tem na garagem? 🚙   Na garagem cabe tudo e um pouco mais!!!  De carro e bicicleta.

Leia Mais »

Se Inscreva!

Deixe uma Mensagem.

[contact-form-7 404 "Not Found"]